terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Quarta Feira de Cinzas



Tendo revestido o cilício e deposto a sua coroa para

cobrir a cabeça de cinzas, a Igreja, nossa mãe,de ros-

to emaciado pelo jejum, une sua penitência ao poder

expiatório do sangue redentor, para invocar a misericór-

dia divina.




QUARTA-FEIRA DE CINZAS


A Igreja abre a Quaresma com a imposição das cinzas, lembrando, assim, aos fiéis a sua condição de mortais e vincando bem a necessidade de penitência.

Na primitiva Igreja, a programação duma penitência coletiva para os pecadores culpados de faltas graves e públicas, acompanhava o trabalho de preparação do catecúmeno para receber o batismo, no dia de Páscoa. Ao principiar a Quaresma, o bispo benzia os cilícios e as cinzas, e impunha-os aos penitentes, que durante quarenta dias expiavam as suas faltas <<in cinere et cilicio>>, na expectativa da reconciliação sacramental de Quinta-Feira Santa. A imposição das cinzas, como hoje a conhecemos, é uma extensão e transposição da antiga penitência pública: aquilo que, inicialmente, dizia respeito somente a uma categoria de fiéis, acabou por se aplicar a todos, perdendo, em consequência, o rigor primitivo.

A expiação tem a sua parte no esforço de purificação, que a Igreja nos instiga; porém, maior ainda, a da misericórdia divina. Leituras, cânticos e orações da imposição das cinzas, como as da missa que se lhe segue, convidam-nos a implorá-la confiadamente. Este esforço prosseguirá toda a Quaresma, na esperança de Páscoa e da alegria dos resgatados.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Sacrilégio no carnaval de 2017

SÃO PAULO, SP - 11.02.2017: ENSAIOS TÉCNICOS CARNAVAL SP 2017 - A escola de samba Unidos de Vila Maria, que faz homenagem a Nossa Senhora Aparecida, faz ensaio técnico no sambódromo do anhenbi, zona norte da cidade. (Foto: Ricardo Bastos /Fotoarena/Folhapress) ORG XMIT: 1267586 *** PARCEIRO FOLHAPRESS - FOTO COM CUSTO EXTRA E CRÉDITOS OBRIGATÓRIOS ***
Fotos da Folha de São Paulo




Ora, as obras da carne são estas: fornicação, impureza, libertinagem, idolatria, superstição, inimizades, brigas, ciúmes, ódio, ambição, discórdias, partidos, invejas, bebedeiras, orgias e outras coisas semelhantes. Dessas coisas vos previno, como já vos preveni: os que as praticarem não herdarão o Reino de Deus! (Gálatas 5:19-21).

As obras da carne citadas na carta aos gálatas são as obras que reinam nesta festa infernal que é o carnaval. O pecado abunda e acontece aos olhos de todos que queiram ver. As músicas predominantemente, luxuriosas e sensuais, induzem para que todo tipo de libertinagem ocorra.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Meditações sobre o carnaval

Resultado de imagem para carnaval


Blasfêmias, uso do nome de Deus em vão, profanação de dias santos, nudismo, embriaguês, roubo, adultério, fornicação, sexo antinatural, gente drogada, homicídios, esse ambiente que não passa de um lamaçal de porcos, é considerado  como locais de “alegria” pelos  escravos das paixões carnais, o pior é que organizações ditas católicas fazem um blasfemo carnaval “cristão” como se houvesse união entre luz e trevas.

Ora, as obras da carne são estas: fornicação, impureza, libertinagem, idolatria, superstição, inimizades, brigas, ciúmes, ódio, ambição, discórdias, partidos, invejas, bebedeiras, orgias e outras coisas semelhantes. Dessas coisas vos previno, como já vos preveni: os que as praticarem não herdarão o Reino de Deus!(Gálatas 5:19-21)

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Laura Raventós, especialista fala sobre marxismo cultural


O marxismo é uma peçonha diabólica, veneno letal, abrasivo e dissolvente que aniquila as entranhas e os fundamentos da Cidade de Deus. É uma antecipação do inferno, ressonância satânica do não redimido “não servirei” de Lúcifer, bramido desesperado que retumba sinistro nos tímpanos da eternidade.


É uma das ideologias mais perniciosas para corromper e depravar no homem. Ele semeou a barbárie no campo da história com milhões de mortos e sacrilégios. Tem proporcionado um prejuízo incalculável à cristandade, minando suas raízes frondosas e arrastando um número incontável de almas ao inferno. Sopro de gelo que secou as flores da inocência, da pureza e da virtude.


A Rússia espalhou os seus erros por todo o mundo graças ao demônio ter espalhado o joio do liberalismo nos Estados outrora católicos. Hoje em dia este vírus, acolhido em democracias liberais, segue impondo sutilmente suas ideias mefíticas através de que se conhece como marxismo cultural.
Entrevistas a uma especialista no tema Laura Raventós i Vilarnau, jovem andorrana especialista em Hispanismo e Tradicionalismo Católico, principalmente enfocado a população anglófona, como Reino Unido e Estados Unidos. 


sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Não trabalhar para Satanás

Resultado de imagem para carroceiros antigos


Um católico não deve trabalhar aos domingos e feriados santos


O terceiro mandamento da Lei de Deus nos ordena a santificar os dias de festas. Portanto, a Igreja estipula que aos domingos e dias de festa de guarda cessem todos os trabalhos que evitem esta finalidade. Assim, o dia é dedicado à adoração a Deus e ao descanso. Além de cumprir o preceito dominical, você pode orar, estar com a família, realizar excursões, ler um bom livro, fazer trabalho de caridade etc. 

Obviamente não são lícitas as diversões que ofendam a Deus como danças e shows.
O Santo Cura d'Ars era muito severo em seus sermões sobre o trabalho aos domingos e festas pecaminosas. Ele afirmava que aqueles que não conseguiram cumprir estes preceitos foram direto para o inferno. O ensino tradicional do santo varão ainda está vigente hoje.

O Código de Direito Canônico estabelece esta obrigação no cânon 1247: Aos domingos e outros dias de festa de preceito, os fiéis têm a obrigação de participar da Missa; e se absterem das atividades e trabalhos que impeçam prestar culto a Deus, gozar da alegria própria do dia do Senhor, ou desfrutar do devido relaxamento da mente e do corpo.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Yoga e meditações anticristãs muito perigosas



Resultado de imagem para yoga fotos
A Yoga não é um exercício físico nem uma ajuda para meditação, é uma disciplina espiritual muito perniciosa, contraria totalmente as práticas espirituais cristãs como oração, adoração, meditação da palavra de Deus...


O que é Yoga?


Este termo “yoga” significa “união”, porque o principal objetivo da yoga é unir o que é chamado no hinduísmo de eu (temporal) “JIVA” com o eu (eterno) infinito “BRAHMAN”, que é como os Hindus chamam seu deus supremo, que não tem nada a ver com o Deus dos cristãos, porque este “Brahman” para os hindus é uma substância que não tem personalidade ligado à natureza e ao cosmos  ao mesmo tempo.

A prática espiritual da Yoga, não pode ser um exercício físico ou meditação, porque isso não é o seu propósito, e não importa  que uma pessoa não acredite no propósito da yoga, a prática leva a um fim.

O controverso pastor  Dave Hunt em seu livro “A Sedução do Cristianismo”, diz: “O hatha yoga, está  amplamente difundido na Europa e na América como um método de relaxamento e como exercício extenuante, é um dos seis sistemas reconhecidos do hinduísmo ortodoxo , e sua origem é religiosa e mística, e é a forma mais perigosa da yoga”. A yoga tem se expandido descontroladamente mesmo nas escolas e jardins de infância, porque tem sido apresentada por psicólogos e médicos como uma ciência, quando na verdade não é. E vem sido oferecido com títulos como “terapia de relaxamento”, “auto hipnose”, “visualização criativa”, “centralização”, etc ... Inclusive é raro mesmo um GYM não ter essas práticas nos seus programas de exercícios.


quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

O sexo pré-matrimonial é sempre pecado mortal

Resultado de imagem para inferno fotos

Hoje, muitos casais de noivos vivem juntos antes do casamento sem nenhum remorso de consciência e sem que nada toque sua consciência. Os próprios familiares os  tratam sem dar-lhes a menor indicação de que eles fazem algo errado contribuindo assim para solidificar o seu comportamento pecaminoso e ofensivo a Deus ao passar a eles a imagem de que o que eles fazem é “normal” e não merece reprovação.


Lembrem-se de que viver juntos antes do casamento é um pecado mortal, e não há exceção:

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

O que é a Missa?